ÁGUA BOA

INFLAÇÃO

O governo federal vai reduzir 10% as alíquotas do imposto de importação sobre vários produtos; o objetivo é tentar segurar a inflação

O governo federal vai reduzir 10% as alíquotas do imposto de importação sobre vários produtos; o objetivo é tentar segurar a inflação

Publicados

Economia

O governo federal decidiu pela redução de 10% nas alíquotas do imposto de importação sobre vários produtos.

O objetivo é, segundo o Ministério da Economia, reduzir os impactos decorrentes da pandemia e da guerra entre Rússia e Ucrânia sobre os preços de insumos do setor produtivo.

Serão afetados pela medida produtos como feijão, carne, massas, biscoitos, arroz e materiais de construção, dentre outros itens. No total, 6.195 mercadorias, quase todos os bens importados, terão redução no imposto. A medida foi anunciada na noite desta segunda-feira (23), em entrevista coletiva da equipe econômica do ministério.

A redução se soma a outra, também de 10%, em novembro de 2021.

“A medida de hoje, somada à redução de 10% já realizada no ano passado, aproxima o nível tarifário brasileiro da média internacional e, em especial, dos países da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE)”, afirmou o secretário de Comércio Exterior do ministério, Lucas Ferraz.

A vigência desta medida tem prazo determinado e deve vigorar até o final de 2023.

Leia Também:  Prefeito de Água Boa anuncia nova agência de crédito em Água Boa

Na avaliação da equipe econômica do governo, a medida vai provocar impactos acumulados de R$ 533,1 bilhões de incremento no Produto Interno Bruto (PIB, soma de todos os bens e serviços produzidos no país), de R$ 376,8 bilhões em investimentos, de R$ 758,4 bilhões em aumento das importações e de R$ 676,1 bilhões de acréscimo nas exportações.

Os incrementos, em se confirmando, resultarão em R$ 1,434 trilhão de crescimento na corrente de comércio exterior (soma de importações e exportações), além de redução do nível geral de preços na economia.

Fonte: Canal Rural

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ÁGUA BOA

Prefeito de Água Boa anuncia nova agência de crédito em Água Boa

De acordo com o prefeito, a chegada dessa agência é um motivo de orgulho

Publicados

em

Reprodução

Na manhã da última quinta-feira (30/06), o prefeito Doutor Mariano e a vice-prefeita Rejane Garcia, receberam a visita dos representantes da PRIMACREDI, Cooperativa de Crédito Rural de Primavera do Leste , para anunciar a abertura de uma agência em Água Boa.

De acordo com o prefeito, a chegada dessa agência é um motivo de orgulho, pois, a população vai ter mais uma opção para ter acesso a linha de crédito e poder empreender e ajudar cada vez mais no desenvolvimento da nossa cidade.

Segundo informações institucionais, a PRIMACREDI atua há quase três décadas na região Sul/Leste de Mato Grosso, figurando entre as principais cooperativas do segmento crédito no estado, e uma das maiores na categoria independente em atuação no país. E se define como “uma cooperativa comprometida com o desenvolvimento e a geração de renda da sociedade, promovendo o bem-estar e a qualidade de vida, com o propósito de oferecer Soluções Financeiras com Atendimento Personalizado”.

SOBRE A PRIMACREDI

A PRIMACREDI é uma cooperativa comprometida com o desenvolvimento e a geração de renda da sociedade, promovendo o bem-estar e a qualidade de vida. Com atuação há três décadas na região Sul/Leste de Mato Grosso, figura entre as principais cooperativas do segmento crédito no estado, e uma das maiores na categoria independente em atuação no país. Seu quadro social é constituído por aproximadamente 4,5 mil cooperados, além de 140 colaboradores.

Leia Também:  Gerente da Sicredi Araxingu de Água Boa informa sobre o Plano Safra 2022/23; Veja vídeo

Saiba mais sobre a PRIMACREDI clicando AQUI!

Por ASCOM AB com Informa Araguaia

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

MAIS LIDAS DA SEMANA